16 SETEMBRO 2020, 10.00 (GMT+1)

Por ocasião da Semana Europeia da Mobilidade, no dia 16 de Setembro, Quinta-feira, às 10:00, teve lugar um Webinar com divulgação em Live Streaming na página do Facebook do the Future Design of Streets que se debruçou sobre os temas da mobilidade urbana, espaço público e reativação de espaços de rés do chão na cidade do Porto.

the Future Design of Streets, Porto edition, contou com a participação de Rute Nieto Ferreira, Mateus Porto Schettino e Ana Montalbán, bem como de Daniel Casas Valle e João Machado responsáveis pela ideia e organização do evento. O Armazém Cowork - armazemcowork.pt - foi o palco físico do evento, enquanto Ana Montalbán e Mateus Porto Schettino estiveram online a partir de Espanha.

RESUMO

as Ruas do Porto

Mobilidade urbana com novos protagonistas, espaço público ramificado, seguro e qualificado, reactivação dos espaços de rés do chão: o tema não é novo, mas continua à espera de um impulso para que se possa alcançar uma cidade melhor.
Existem associações e outros movimentos que reivindicam há alguns anos a importância de uma mudança do paradigma estabelecido na cidade do Porto.
Parece evidente que estamos ainda longe de uma consciencialização coletiva da necessidade de mudança no que diz respeito à (re)organização do espaço público, vivência e fruição do mesmo aqui no Porto.
A lógica instituida relativamente à mobilidade urbana concedeu um protagonismo esmagador ao automóvel, tendo as restantes formas de mobilidade sido relegadas a partilhar um papel marginal na vida urbana. A vida de bairro que, em grande medida, depende da existência de residentes, de comércio e serviços de proximidade, foi desaparecendo como consequência da subida em flecha dos preços do imobiliário e à medida que as lojas foram sendo concentradas nas grandes superfícies comerciais, um pouco por toda a cidade e periferia.
Ainda que seja indiscutível a importância de um impulso vindo das políticas das Autarquias e Governo, não é difícil perceber que, se continuarmos a ver estas questões como um “problema” dos outros, dificilmente as coisas poderão melhorar.
O Porto encontra-se hoje numa posição privilegiada para voltar a página. Se por um lado é uma cidade com uma dimensão relativamente contida, por outro o Porto viveu uma transformação significativa nos últimos 10 anos, tendo descoberto o prazer da vida na rua, das esplanadas, do comércio tradicional e local; os moradores estão cada vez mais conscientes dos impactos negativos da vida dependente do automóvel, dos efeitos da poluição atmosférica, dos perigos associados à velocidade em ruas estreitas (e não só).
Por último o Porto, cidade europeia, tem à sua volta exemplos de outras cidades, de dimensão equivalente, que encontraram formas de se reinventar e que se assumem hoje como exemplos a céu aberto, de onde podemos aprender.
O Webinar contará com a presença de arquitetos e urbanistas ativos em Portugal e no estrangeiro; através das suas experiências pessoais e profissionais no âmbito em questão, pretende-se abordar um conjunto de conceitos e estratégias à volta do tema, promovendo uma compreensão mais abrangente dos problemas atuais. Será ainda redigido um documento síntese com um conjunto de ações consideradas fundamentais e prioritárias que nos propomos partilhar com entidades e público em geral.
O Webinar contará com apresentações dos intervenientes e debate coletivo; terá uma duração de 90 minutos e é um evento aberto em Live Streaming.

INICIATIVA E ANFITRIÃO

institutional logos



institutional logos



institutional logos



STREAMING

INTERVENIENTES

speaker

Ana Montalbán. Arquiteta com Mestrado em Urbanismo. Dedicada profissionalmente à arquitetura e ao desenho urbano, com experiências em planos de mobilidade urbana sustentável. Empenhada em contribuir com uma perspetiva capaz de recuperar os conceitos do “bom urbanismo”, entendido como a arte de fazer cidades melhores para viver juntos. Desde 2018 é Coordenadora Técnica da Rede de Cidades que Caminham, entidade espanhola sem fim lucrativo constituida por mais de sessenta municipios e outros departamentos da administraçãos pública, empenhada a trabalhar para garantir que os peões sejam os protagonistas da mobilidade e do espaço público.

speaker

Mateus Porto Schettino é pai de Cecilia e Teo, arquiteto urbanisa pela Universidade de Brasília,- UnB (2003) e doutorando da Universidade Politécnica de Madrid. Ganha a vida como consultor em planejamento da mobilidade urbana e qualidade do espaço público, colaborando em planos, projetos e processos de participação cidadã relacionados. Desde 2008 é professor da Faculdade de Arquitetura, Engenharia e Design da Universidade Europeia de Madrid. Ciclista urbano desde pequeno, no seu tempo libre passeia, desenha e colabora com associações de pedestres e outras organizações sem fins lucrativos.

speaker

Rute Nieto Ferreira. Porto, 1981. Arquiteta e urbanista com experiência internacional e multidisciplinar em estúdios de arquitectura, consultoria urbana e mundo académico. Tem vindo a trabalhar de forma independente ou associada a gabinetes de arquitetura e, dede 2018, colabora com o Gehl Studio (Copenhaga, São Francisco, Nova Iorque), onde supervisiona estratégias urbanas, planeamento, investigação, estratégias de mobilidade e projetos para espaços públicos.

speaker

João Machado. Nascido no Porto é casado e tem dois filhos. Depois da licenciatura na FAUP (Porto, 2003), trabalha com Silvia Gmür e Livio Vacchini em Basileia, Suíça. Na Accademia di Architettura de Mendrisio, ensina na cadeira de Projeto dos professores Bruno Reichlin, Jonathan Sergison e Martin Boesch, com quem colabora durante 11 anos. A partir de 2013 é responsavel pelo seu próprio Atelier de Projeto na Escola Universitária SUPSI AI em Lugano / Mendrisio, onde trata o tema do Reuso de edifícios existentes. É co-autor do livro “Yellowred, on reused architecture”, edição Mendrisio Academy Press, 2017. No mesmo ano funda, juntamente com mais três sócios, a Oitoo – oitoo.pt - com sede no Porto e Lisboa, um atelier de arquitetura ativo em várias frentes, cujo interesse principal é a reativação e resuo de edifícios e territórios.

speaker

Daniel Casas Valle é um urbanista com ampla experiência baseada em práticas de planeamento urbano e atividades académicas. Atualmente está envolvido em vários projetos de urbanismo e estudos de planeamento no seu escritório Urban Dynamics no Porto/Amesterdão, no MDT/CEAU/FAUP como investigador e também como professor assistente convidado na Escola Superior de Gallaecia em Vila Nova de Cerveira e na Escola de Arquitectura da Universidade do Minho, em Guimarães. Daniel tem o grau de mestre em urbanismo (Amsterdam, NL), e concluiu o doutoramento na Faculdade de Arquitetura da Universidade do Porto, em 2018 (cum laude). Como responsável principal de projetos ganhou diversos concursos de urbanismo e planeamento, como Willemspoort (´s-Hertogenbosch, NL), Marinhas (Esposende, PT) e Eixo Imaginarius CC - Cineteatro AL (Santa Maria da Feira, PT).